quinta-feira, 1 de agosto de 2013

MARANHÃO E BELÁGUA, MAIS UMA VEZ ENTRE OS PIORES DO BRASIL EM RENDA

Foto ilustrativa
O estado do Maranhão tem a pior renda per capita média do Brasil, no valor de R$ 360,43. É o que aponta o Atlas do Desenvolvimento Humano 2013, divulgado pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud), na tarde de segunda-feira (29). 

Sete dos dez municípios com os mais baixos resultados no levantamento da renda média são maranenses, inclusive os três piores do Brasil: (1) Marajá do Sena, o “lanterna” do país, tem renda média por habitante de R$ 96,25. (2) Fernando Falcão, penúltimo do ranking, o valor é de R$ 106,99, e; (3) Belágua, antepenúltimo com R$ 110,65.

A cidade de São Caetano do Sul, em São Paulo, tem a maior renda per capita média do país, com R$ 2.043. A média nacional é de R$ 794. 

A renda per capita média é obtida pela soma dos salários da população dividido pelo número de habitantes.
Fonte: Pnud-ONU